br ar    v a l v

CDU questiona falta de médicos no centro de saúde de Cortegaça PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Escrito por Comissão Coordenadora de Ovar da CDU   
Domingo, 28 Dezembro 2008 23:48
Etiquetas:

Centro de Saúde de Cortegaça

Há já cerca de um mês que a extensão de Cortegaça do Centro de Saúde de Ovar deixou de ter capacidade de resposta para as muitas e habituais solicitações da população. Com efeito, dos três médicos que ali prestavam serviço, um está a gozar férias e outro foi transferido para a recém inaugurada Unidade de Saúde Familiar de Ovar.

Desta forma, desde o início de Dezembro que aquela unidade de saúde apenas funciona com um único médico que, ainda por cima, apenas presta serviço três dias por semana, deixando a população de Cortegaça à beira de um ataque de nervos.

 

A Comissão Coordenadora de Ovar da CDU que cedo manifestou as suas reservas face ao modelo das Unidades de Saúde Familiar na medida em que estas prefiguram uma antecâmara da privatização dos cuidados de saúde primários, vem através desta nota lamentar o esquecimento desta importante freguesia do concelho. Independentemente do objectivo de criação de uma Unidade de Saúde Familiar para Cortegaça que ainda não terá prazo de execução, a Comissão Coordenadora de Ovar da CDU apela para a necessidade de medidas urgentes visando reforçar o quadro de médicos para esta unidade de saúde. Para além da manifesta carência de médicos, importa igualmente sublinhar o facto deste ser um período extremamente sensível no qual o afluxo de doentes aos Serviço Nacional de Saúde é muito superior relativamente aos restantes momentos do ano. Neste sentido os eleitos da CDU não deixaram de alertar as entidades responsáveis para esta situação.